terça-feira, 17 de outubro de 2017

A Dama do Cine Shanghai

Homem vai a um cinema alternativo, apaixona-se por uma mulher misteriosa e se vê envolto em um emaranhado de situações obscuras envolvendo crimes, chantagens e segredos guardados a sete chaves. Após reunir pistas e interpretá-las para desvendar o mistério no qual está imerso, o homem descobre algo extremamente surpreendente sobre a Dama do Cine Shangai.

A Dama do Cine Shangai  é um premiado filme brasileiro de suspense, originalmente lançado em 1987, dirigido por Guilherme de Almeida Prado e estrelado por Maitê Proença, Antônio Fagundes, José Mayer e Paulo Villaça.

O maneirismo que caracterizou boa parte da cinematografia mundial a partir da segunda metade dos anos 1970, teve presença significativa na produção brasileira dos anos 1980, sobretudo no que diz respeito ao cinema paulista. O declínio do cinema moderno, mas também o fracasso do projeto de brasilidade no cinema, que nunca teve tanta força em São Paulo, acabou favorecendo o surgimento de filmes brasileiros que dialogam fortemente com os gêneros consagrados em Hollywood, e tão fortemente combatidos pelos cinemanovistas. São filmes associados aos  estilo néon-realismo, produções que se caracterizam pelos ambientes urbanos, noturnos e com muitas luzes e letreiros de neón. O termo faz referência irônica ao neorrealismo italiano, estilo que influenciou fortemente o cinema novo brasileiro.

Em A Dama do Cine Shanghai, grande exemplar do néon-realismo, o gênero americano Noir é escolhido como fórmula para a discussão do caráter ilusionismo do cinema, o que acaba sendo um grande elogio a esta faceta cinematográfica. O filme tem um grande trabalho com estilização, cores, fotografia e uma aura de mistério que acompanha uma trama que só poderia ter lugar na ficção. Este premiado filme de Guilherme de Almeida Prado é um exemplo de como o cinema brasileiro é capaz de dialogar com os gêneros cinematográficos de uma maneira equilibrada, sem precisar ser puro pastiche do cinema americano e nem tampouco assumir um caráter iconoclasta que acaba por desperdiçar o produtivo diálogo entre os filmes brasileiros e os gêneros cinematográficos. Recomendo incondicionalmente.


Título Original: A Dama do Cine Shanghai aka The Lady from the Shanghai Cinema (1987)
Cor: Colorido
Região do DVD: Todas
Idiomas / Sistema de Som:
 
Português - Dolby Digital 2.0

Formatos de Tela: Widescreen


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são muito bem vindos para o Hell Business, por isso caso tenha algo a acrescentar ao artigo ou apenas quer expressar sua opinião, não deixe de comentar. Você pode comentar de 3 maneiras:
1- Com sua conta no Blogger.
2- Com uma conta no Disqus (Twitter, Google etc).
3- Com sua conta no Facebook.
Para isso basta clicar nos botões acima das respectivas redes sociais.

O Reduto Dos Monstros

Importante: Os filmes disponíveis em minha lista não possuem lançamento no Brasil ou são filmes que caíram em domínio público ou tiveram o direito autoral expirado. Desta maneira o processo se torna legal e sem a alcunha de pirataria. É um processo similar ao que ocorre com livros, músicas e outras obras autorais. A depender da lei de cada país, após um determinado período de tempo (décadas), o copyright do filme expira e ele pode ser compartilhado e exibido em público sem o pagamento de direitos autorais.




Curta no Facebook

Horror Movie Fans