quarta-feira, 3 de junho de 2020

Museu de Cera

Um talentoso escultor possui uma relação afetiva intensa com o museu de cera do qual é um dos proprietários, mas quando o seu sócio decide incendiar a instituição para receber o dinheiro do seguro, ele se vê obrigado a fazer de tudo para salvar o acervo. Apesar do esforço, o museu é incendiado e o homem é dado como morto no incêndio. O tempo passa e ele retorna com um novo museu, mas agora é um homem transtornado e suas esculturas são, na verdade, cadáveres revestidos com cera.

Museu de Cera (House of Wax) é um filme estadunidense de horror, originalmente lançado em 1953, dirigido por Andre de Toth e estrelado por Vincent Price, Frank Lovejoy e Phyllis Kirk.

Museu de Cera é considerado um grande marco na história do cinema por ter associado a novidade futurista da tecnologia 3D aos tradicionais códigos narrativos do cinema de horror, arrebatando plateias no mundo todo. O filme foi responsável por dar uma guinada na carreira do lendário Vincent Price, que até então vinha fazendo papéis secundários. Parece até ocioso dizer que Vincent Price fez uma atuação primorosa, já que seu talento e carisma é sabido e notório. No site Rotten Tomatoes o filme possui 95% de aprovação. Felizmente, a tecnologia 3D não superou o bom e velho cinema 2D, mas Museu de Cera continua superando muitos filmes contemporâneos produzidos em Hollywood. Recomendo incondicionalmente.


Título Original: House Of Wax (1953) 
Cor: Colorido
Região do DVD: Todas
Legenda: Português
Idiomas / Sistema de Som:

Dublado em Português - Estéreo
Inglês - Dolby Digital 2.0
Formatos de Tela: Fullscreen


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são muito bem vindos para o Hell Business, por isso caso tenha algo a acrescentar ao artigo ou apenas quer expressar sua opinião, não deixe de comentar. Você pode comentar de 3 maneiras:
1- Com sua conta no Blogger.
2- Com uma conta no Disqus (Twitter, Google etc).
3- Com sua conta no Facebook.
Para isso basta clicar nos botões acima das respectivas redes sociais.

O Reduto Dos Monstros

Importante: Os filmes disponíveis em minha lista não possuem lançamento no Brasil, estão fora de catálogo, ou são filmes que caíram em domínio público ou tiveram o direito autoral expirado. Desta maneira o processo se torna legal e sem a alcunha de pirataria. É um processo similar ao que ocorre com livros, músicas e outras obras autorais. A depender da lei de cada país, após um determinado período de tempo (décadas), o copyright do filme expira e ele pode ser compartilhado e exibido em público sem o pagamento de direitos autorais.




Curta no Facebook

Horror Movie Fans